Carioca em Lisboa

O carioca chegou em Lisboa e pediu informação:

– Aí, ‘mermão’, onde tem um ponto de ônibus para ir até a estação ferroviária para pegar um trem?

– Cá não chamamos de ponto de ônibus, chamamos de parada.

– Tudo bem, onde tem uma parada de ônibus pra ir até a estação ferroviária pra pegar o trem?

– Cá não chamamos ônibus, chamamos autobus.

– Ok… Então onde é que tem uma parada de autobus pra ir até a estação ferroviária e pegar o trem?

– Cá não chamamos de estação ferroviária, chamamos gare.

– Legal… Então onde tem uma parada de autobus pra ir até a gare e pegar o trem?

– Cá não chamamos trem, chamamos comboio.

– Porra, tá bom… Então, ‘mermão’, como acho a parada para pegar o autobus pra ir a gare para pegar o comboio?

– Não precisa ir, é aqui mesmo…

– Me diz uma coisa: como é que vocês chamam ‘filho da puta’ aqui em Portugal?

– Não chamamos, eles vêm do Rio de Janeiro, pela Varig, com a camisa do Botafogo.

Compartilhe:

MigX

Engenheiro, funcionário público, metido a escritor e ilustrador... Publicou na Quark, Scarium e e-nigma. Membro fundador da Oficina de Escritores, vem tentando sua própria jornada do herói na vida, e a viagem do escritor, nos blogs e na OE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *