Máximas e mí­nimas

Paulo Henrique Amorim

Ao proclamar o vencedor, o ministro Marco Aurélio de Mello não disse que Lula ganhou. Mas, sim, que diante dos votos a contar, Alckmin não podia mais ganhar.

Numa entrevista exibida pela Rede Record, FHC, no dia da eleição, disse que o PSDB tinha se tornado um polo de poder?. Sabendo-se que Lula bateu Alckmin pelo mesmo placar com que goleou Serra em 2002, pergunta-se: esse polo tem poder sobre o quê? Dá para nomear o embaixador em Bagdá?

FHC disse ontem também: ?Governabilidade é problema de quem foi eleito? ? começou…

Dos 27 governadores eleitos, 16 apoiam Lula. O polo de poder? dirigido por FHC tem 11.

Na entrevista coletiva, Lula fez questão de agradecer a presença do Governador Marcelo Miranda, do PMDB de Tocantins.

Quem serão os interlocutores do candidato a Presidente José Serra? O PSDB elegeu os governadores de Minas (que têm os mesmos objetivos que ele), Rio Grande do Sul, Alagoas, Paraí­ba e de Roraima.

Quando vai aparecer o primeiro dossiê contra Aécio?

Onde andará o delegado Bruno?

Qual será o tratamento que os jornais de São Paulo darão a Aécio?

Os debates nas emissoras de tevê servem para quê?

No Rio, ganhou Garotinho e perdeu César Maia.

A eleição de Lula no segundo turno jogou no lixo as teses racistas do tipo ?Lula só ganha no Nordeste?; ?Só pobre vota em Lula?; ?Negro é que vota em Lula?; ?Quem vota em Lula é analfabeto?; ?Lula só ganha porque fez o Bolsa Família?.

Em 2002, imediatamente após saber que tinha sido eleito, Lula deu uma entrevista a Pedro Bial, no Fantástico. Ontem, a primeira pergunta de uma entrevista coletiva coube ao repórter Celso Teixeira, da TV Record. í€ Globo coube a mais longa pergunta da historia do jornalismo contemporãneo.

Em 2002, na segunda-feira após a eleição, Lula co-ancorou o Jornal Nacional com Fátima Bernardes e William Bonner. E hoje?

Alckmin diz que não vai contestar a vitória de Lula na Justiça. Contestar como?

A partir de hoje, segunda, dia 30, começa a tentativa de desestabilização via ?risco-paí­s?. Tarso Genro acabou de anunciar o óbvio, aquilo mesmo que Alckmin pregava: ênfase no crescimento e, portanto, fim da era Palocci?. É por aí­, porém, que vai começar a batalha da oposição para desacreditar a polí­tica econômica do segundo mandato. Depois do dólar, Lula, que a Goldman Sachs criou em 2002, começa a nascer o dólar Genro? Mesmo depois de Lula dizer na coletiva que a polí­tica econômica continuará a ser de austeridade?

Quando se fala em fim das oligarquias no Maranhão e na Bahia seria bom incluir o Ceará.

O PFL tem um ?governador? ? o do Distrito Federal, que, antigamente, se chamava de ?prefeito?.

Quando interrompeu o Jornal Nacional de sábado, pouco antes de se conhecer o resultado das ultimas pesquisas, o ministro Marco Aurélio de Mello conclamou o eleitor brasileiro a exercer o supremo direito de uma democracia: votar. Será que o presidente do TSE tornou o voto no Brasil facultativo?

?Overcoming a series of corruption and political scandals that tarred his image and undermined his credibility, President Luiz Inácio Lula da Silva of Brazil won a landslide re-election victory in a runoff vote on Sunday?. í‰ assim que começa a reportagem do correspondente do New York Times no Brasil, Larry Rohter. Poderia ter dito inclusive ?…superando também a acusação de beber demais …? (Em tempo: ?landslide? significa ?esmagadora?, ?vitória esmagadora? ? palavra que não se viu na ?imprensa pátria? – como diria o ministro Marco Aurélio de Mello).

Quando se fala em ?dossiê contra os tucanos? seria bom explicar por que é ?contra os tucanos?.

Diz-se que Lula não tem candidato í  sucessão, porque não sobrou ninguém no PT. E Jacques Wagner? E Ciro Gomes? E Eduardo Campos?

Lula teve 58 milhões de votos. í‰ a população da Itália.

Veja também:

Compartilhe:

MigX

Engenheiro, funcionário público, metido a escritor e ilustrador... Publicou na Quark, Scarium e e-nigma. Membro fundador da Oficina de Escritores, vem tentando sua própria jornada do herói na vida, e a viagem do escritor, nos blogs e na OE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *